sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

quinta-feira, 13 de novembro de 2008

Imagem!

Olá pessoas!!!
Estava olhando uns desenhos e um em especial me chamou atenção, então vou posta-lo. Embaixo tem o link do autor da imagem, espero que gostem.

http://wen-m.deviantart.com/

quarta-feira, 5 de novembro de 2008

"Anjo"


Confiança


Confiança na minha definição é um modo de demonstrar que apesar do que acontece sobre um determinado ponto de vista, você ainda acredita, tem fé, não, acho que fé não, já que fé seria acreditar sem provas, e confiança seria uma somatória de pontos de alguém fazendo a cota dela aumentar. Mas também há um problema, quando você confia muito em alguém, certas pessoas têm essa facilidade e outros o contrario, e essa pessoa trai sua confiança a decepção é maior.
Você precisa de 'provas' de tal confiança e coisas do gênero que são adquiridas com o tempo, mas acho que tudo é um castelo de areia, ao menor vento ou uma ondinha mais forte tudo desaba e por mais que você reconstrua de novo nunca será igual ao de antes.
Não digo que o vento ou a onda sejam meros detalhes, se bem que meros detalhes muitas vezes fazem toda a diferença. De um jeito ou de outro não é nada legal a decepção que se sente de perder a confiança em alguém.

"Aquele que não tem confiança nos outros, não lhes pode ganhar a confiança." Lao tsé

terça-feira, 28 de outubro de 2008

Momento "Letras de Músicas"

Uma amiga me mandou essa musica e eu adorei a letra, entãoo vou dividi-lá com vocês!

Vamos Fazer um Filme - Legião Urbana

Achei um 3x4 teu e não quis acreditar
Que tinha sido há tanto tempo atrás
Um bom exemplo de bondade e respeito
Do que o verdadeiro amor é capaz
A minha escola não tem personagem
A minha escola tem gente de verdade
Alguém falou do fim-do-mundo,
O fim-do-mundo já passou
Vamos começar de novo:
Um por todos, todos por um

O sistema é mau, mas minha turma é legal
Viver é foda, morrer é difícil
Te ver é uma necessidade
Vamos fazer um filme

O sistema é mau, mas minha turma é legal
Viver é foda, morrer é difícil
Te ver é uma necessidade
Vamos fazer um filme
E hoje em dia, como é que se diz: "Eu te amo."?

Sem essa de que: "Estou sozinho."
Somos muito mais que isso
Somos pinguim, somos golfinho
Homem, sereia e beija-flor
Leão, leoa e leão-marinho
Eu preciso e quero ter carinho, liberdade e respeito
Chega de opressão:
Quero viver a minha vida em paz
Quero um milhão de amigos
Quero irmãos e irmãs
Deve de ser cisma minha
Mas a única maneira ainda
De imaginar a minha vida
É vê-la como um musical dos anos trinta

E hoje em dia, como é que se diz: "Eu te amo."?
E hoje em dia, vamos
Fazer um filme
Eu te amo

sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Nêmesis


Estava no consultório esperando para ser atendida e vi algumas revistas, não gosto muito de ler em clinicas, mas aquela capa com um olho enorme vermelho e amarelo me chamou atenção. O titulo mencionava vingança e perdão, falava da parte psicológica, explicando o porquê nos vingamos, e biológica, todos nascem com esse instinto, muitas hipóteses sob diferentes ângulos e pontos de vista, cada especialista dizendo de onde vem o desejo de vingança. Bom depois de muitas hipóteses, dizendo que a vingança veio daquele ou daquilo. O que realmente me interessou entre tudo aquilo foi a menção de Nêmesis.
Gosto muito de mitologia grega e essas coisas, mas não me lembrava dessa deusa. Nêmesis era a deusa da vingança, acreditava-se que ela punia os mortais por seus atos errados lembrando-os os que na sua posição de mortal não podiam ser afortunados, sua historia mais famosa foi a do castigo que deu a Narciso por iludir varias mulheres ele foi condenado a olhar seu próprio reflexo na água até morrer. Procurei mais sobre Nêmesis e achei uma coisa interessante ela também era considerada a deusa da justiça, um fato também que me chamou a atenção é que em algumas imagens ela aparece com uma balança na mão e na outra uma espada, o que lembra e muito a imagem utilizada pela advocacia, pesquisei sobe isso e descobri que a imagem daquela mulher, da advocacia, é a imagem de Têmis, deusa das leis e irmã de Nêmesis, o que é um modo muito inteligente e pratico de dizer que a justiça e a vingança são próximas.
Justiça e vingança estavam sendo consideradas como sinônimos, o que não acho justo, o trocadilho infame. Quer dizer a vingança seria uma espécie de 'justiça própria' e a justiça, bem eu não sei o que seria a justiça, portanto já havia me complicado toda.
Não satisfeita procurei sobre isso, a maioria dos textos que achei questionavam as diferença entre justiça e vingança. O que consegui resumir de tudo isso foi que a justiça pune seguindo certas normas e leis, já a vingança é pensada unicamente visando o mal de seu alvo.
Sinceramente não fiquei convencida dessa diferença, se pensarmos que a justiça é algo feito por que a pessoa a ser punida cometeu um erro, a vingança seria a mesma coisa só que mais pessoal. Está certo que com a vingança você não se importa em passar de certos limites nem nada parecido, mas se existe a cadeira elétrica e a pena de morte esses tipos de punições também não seriam maneiras de passar dos 'limites'?
Continuo ainda achando que há muita semelhança em: "A justiça tarda, mas não falha." e "A vingança é um prato que se come frio."
A diferença entre as duas seria apenas uma linha, uma linha muito fina.

quinta-feira, 16 de outubro de 2008

"Oi! Tudo bem?"


Como você vai me responder?
Essa frase que todos nós usamos no nosso dia a dia com as pessoas no geral e respondemos automaticamente 'sim' perguntando rapidamente o mesmo sem pensar realmente no que estamos falando, não deveria ser usada de uma maneira tão leviana.
É claro que você pode me dizer que isso não passa de mera formalidade, etiqueta, educação, escolha o termo que preferir, mas e se a outra pessoa que você perguntou parou, pensou e chegou a uma conclusão que iria ser sincera na resposta, ela nunca faz isso, mas exatamente naquele instante que você abriu a boca pra perguntar se ela está bem, ela se vira e responde 'não'.
O que você faz?
Em milésimos de segundo seu cérebro junta todas as informações sobre aquele-ser-que-percebeu-que-não-estava-de-bem-com-a-vida, assim imagino, e que quis contar pra você sobre isso, bom se for alguém mais próximo você escuta e tenta ajudar, isso se você estiver de bom humor não vá ajudar alguém de mau humor sendo que você está de mau humor, se é alguém mais ou menos próximo você muda de assunto, seja sutil ao fazer isso, e se é alguém que você, quando o seu cérebro naqueles milésimos de segundos, não conseguiu juntar muitas informações a reação clássica é sorrir, ou pelo menos tentar, e fingir que não escutou nada.
Acho essa coisa, a de perguntar se alguém está bem ou não, é muito séria.
Se você realmente não quer saber e não faz à mínima, então porque a pergunta?
Bom escrevei tudo isso, porque alguém está de mau humor, então a coisa mais insensata de minha parte, mas eu já fiz muito isso e não prometo que não farei de novo, seria perguntar se ela está bem, mas nesse caso me interessa, e muito, a resposta dela pra vê se consigo ajudar de alguma forma.
Então eu pergunto a você que está lendo: Oi! Tudo bem?

segunda-feira, 13 de outubro de 2008

O Lado Bom da Vida


Certas pessoas nasceram com um poder incrível, que outras pessoas possuem por breves momentos e outras nunca nem sequer sentiram o cheiro.
Considero muito poderosa a pessoa que consegue sempre ver o lado bom da vida, mesmo que pelo ponto de vista das outras pessoas tudo esteja uma droga. Podem até serem taxados de bobos, ou algo do tipo, mas aposto qualquer coisa que são bem mais felizes e tem bem menos dores de cabeça do que o resto das pessoas.
Alguns, em certos momentos, vêem tudo 'cor-de-rosa' mas isso parece durar pouco, uma novidade ou noticia faz isso acontecer, mas isso termina assim como começou, tudo muito rápido. Outros por mais que tenham todos os 'itens' para ter uma vida feliz, resumem todos eles como uma conseqüência do que fez, não tendo assim um bom humor ou se sentido feliz pelo que tem.
Acho que essa 'técnica', a de ver o lado bom da vida, consiste em sempre lembrar que por pior que a situação esteja sempre há alguém em alguma parte da Terra bem pior.
Mas ai percebo uma coisa...
Será que para vermos o lado bom da vida precisamos nos dar conta, ou lembrar, que tem alguém numa situação pior?
Não seria egoísmo nosso tentar ver que tudo está certo, quando há alguém numa situação ruim?
Sendo isso uma espécie de egoísmo ou não, com essa técnica na maioria das vezes conseguimos ver esse tal lado bom da vida.

domingo, 12 de outubro de 2008

Angústia...

Coisa estranha essa de ficar angustiada sem saber por que, na verdade acho que sempre sabemos mais não queremos ver, porque sempre que nos da essa angústia dói, e dói mesmo...
É difícil pensar que uma coisa não é o que parece ser e descobrir que realmente isso incomoda.

Depositamos sentimentos, desejos e outras coisas que na verdade não dão retorno nenhum.
E vem a vontade de chorar como um meio de desabafo... a vontade de rir para fingir que está tudo bem... E a vontade de sumir por medo de não encarar de frente o que de fato acontece... Ou que vai acontecer...
Falar de sentimentos é muito fácil, difícil é saber se são verdadeiros ou se passa, pode ter sido só pra impressionar, ou se realmente foi de coração...
E como distinguir a verdade da mentira? O desejo do sentimento?....
Droga, odeio pensar nisso...

sexta-feira, 10 de outubro de 2008

Enquanto isso... Cale a Boca!

Um pequeno texto que eu achei, como estava sem o nome do autor acho que ele não irá se importar se eu postar.

Cale a Boca

Pensamentos rodeiam a minha cabeça,
Desde medo até raiva de mim mesma.
E me sinto uma grande idiota,
Por me lembrar exatamente
Do que você me disse.
Parece que as palavras passam rápido,
Dando voltas e voltas.
Palavras de anteontem e outras de meses atrás.
Pare de me dizer essas coisas,
Eu não quero escutar.
Não quero ouvir você me dizendo:
'Eu gosto de você'.
Ainda mais depois do que eu fiz,
Não faça isso comigo.
Não me trate bem,
Depois que eu te disse palavras frias.
Não sou iludida tão facilmente por palavras,
Mas...
Por favor, eu peço,
Cale a boca.
Não pergunte se estou bem,
Com essa expressão de que realmente está preocupado.
Não quero saber.
Simplesmente cale a boca
E saia dos meus pensamentos.
Não diga que me conhece bem
Por isso nem liga pro jeito que eu te trato
E que está acostumado a isso.
Não percebe?
Faço de propósito.
Quero que você se decepcione comigo
E mantenha distância.
Então não me fale que você me entende,
Não fale nada.
Quieto você já me tortura, então cale a boca.
Mesmo agora,
Depois de ter mandado você calar a boca.
Você está em silencio me olhando com aquela cara:
'Eu entendo e sei que isso vai passar.'
Respiro fundo e desvio meu olhar do seu,
E sabe o que mais odeio em tudo isso?
Você tem toda a razão.

Ócio


Estava aqui pensando em algo pra escrever, mas o ócio me atrapalha.

Afinal detesto coisas lentas, e ficar sem fazer nada parece que o tempo se arrasta, nunca tive paciência pra esperar certas coisas acontecerem.

E ainda por cima, além de esperar, escutar aquelas frases... "Espera um pouco.", "Vou chegar atrasado", ou o que é pior "Vai pegar o trem?" sinceramente piadinha nessas horas não é legal, não é nada legal. Sem contar aquele ditado popular "O apressado come cru.", tá certo, concordo pode até comer cru mas come antes que os outros, e se o prato for uma salada? Hein? A maioria das saladas são cruas! Como é que chegamos ao assunto comida?!?
Deixando a salada de lado um fato me intriga... por que será que minha mãe não atende o telefone? É raro os momentos que quero falar com ela, então por que ela não antende a porcaria do telefone?
Definitivamente até o final do dia o ócio me matou, sim eu sou dramática, e o que pior ele me mata lentamente com direito a torturas, porque eu olho pro relógio a cada 2 minutos e constato que realmente se passou apenas 2 minutos... E não os 15 minutos que você queria que milagrosamente tivessem passado.
Enfim ainda estou pensando no que escrever e refletindo pra ver se o que eu tô escrevendo agora é perca de tempo ou não, não que eu tenha outra coisa pra fazer agora.
O ócio definitivamente não faz bem a mim.

quinta-feira, 9 de outubro de 2008

Verde sem vergonha!

Sabe quando as coisas parecem estar bem mais você sente que tem algo errado??? isso realmente é muito estranho...
Por mais que as pessoas te falem que tá tudo certo, parece que estão mentindo pra você... parece psicótico neh.
Algo me incomoda e já faz algum tempo e realmente eu tô verde, não tem como não estar, tudo é estranho e suspeito o tempo todo ... devo estar com mania de perseguição.
Mais enfim... espero que isso passe logo... vocês não devem estar entendendo nada, não é?
Cara meu 1º post e eu já deixo todo mundo confuso... huahuahuhauhauha
Perdãooo galera ... bem vindos ao nosso Blog e sim você pode ficar verde sem ter vergonha!!!

quarta-feira, 8 de outubro de 2008

Verde! Como assim verde?!?!?


Sobre o nome do nosso blog, sabe quando certas coisas acontecem na sua vida, ou na vida de outra pessoa, e você tem quase certeza absoluta de que aquilo é um sonho ou pesadelo? Bom as vezes realmente pode ser um, mas não é disso que estou falando.
Voltando aos absurdos... então quando nos pegamos nesses momentos da nossa vida, vida essa que a gente pensa que sempre irá amadurecer e evoluir, não a gente não amadurece continuamos verdes.